Como Recadastrar Bolsa Família 2020: como fazer e prazos

Para evitar a suspensão ou o cancelamento do Bolsa Família 2020 é necessário recadastrar Bolsa Família 2020. Saiba mais lendo o artigo a seguir.

O Governo Federal criou o programa Bolsa Família com o objetivo de erradicar a pobreza no país. Ele auxilia a garantir o mínimo de subsistência para aqueles que estão na faixa da pobreza ou no limite dela.

Muitas famílias conseguem se manter devido a participação nesse programa do governo. Então, leia a matéria abaixo e veja os requisitos necessários para se recadastrar no Bolsa família 2020.

O que é o recadastramento do Bolsa Família

O recadastramento do Bolsa Família se baseia na certificação das informações para o recebimento do valor mensal. Portanto, se a família não estiver recadastrada, não continuará recebendo o benefício do Governo Federal.

Os requisitos necessários para a participação no programa Bolsa Família são:

  • Estar dentro da classificação de família extremamente pobre com uma renda máxima de R$ 85,00 por mês
  • Ser membro de uma família classificada como pobre, com uma renda máxima de R$ 177,00 mensal
  • Possuir cadastro atualizado dentro dos programas do Governo Federal

Até o momento, o cadastro é feito pelo cadastro único, no órgão do Governo, onde o participante vai pessoalmente. O prazo máximo para recadastrar o Bolsa Família 2020 é de no máximo 2 anos.

Ou seja, para recadastrar o Bolsa Família 2020, é preciso ir até um CRAS ou Centro de Referência de Assistência Social. Um membro da família deverá levar os seguintes documentos:

  • Comprovante de endereço atualizado de no máximo 3 meses
  • Carteira de trabalho de todos os membros da família
  • Comprovante atualizado da matrícula escolar das crianças e jovens até 17 anos

Vale ressaltar a necessidade da composição do quadro familiar por crianças e adolescentes de até 17 anos de idade como requisito. Assim, o cadastro é validado, devendo apenas esperar o chamado do Governo para efetivar a inscrição.

O que acontece se não recadastrar Bolsa Família 2020

O programa Bolsa Família é feito para suprir a carência das famílias em situação de pobreza extrema. Ou seja, o valor é apenas para ajudar a sobrevivência familiar; sendo necessário complementação de renda.

Todas as famílias que recebem essa ajuda do Governo devem se recadastrar anualmente, a fim de evitar prejuízos no recebimento do dinheiro. Qualquer mudança no cadastro deve ser notificada ao CRAS imediatamente.

Geralmente, se a família não se recadastrar no Bolsa Família 2020, poderá sofrer sanções como:

  • Bolsa Família cancelado
  • Bolsa Família suspenso

O cancelamento é a situação mais grave, sendo necessário ir até uma agência da Caixa Econômica e verificar a sua situação. Pode também comparecer até o CRAS de sua região para sanar o problema e recadastrar o Bolsa Família 2020.

A situação de suspensão é algo mais branda, pois após recadastrado, a família volta a receber o Bolsa Família. Contudo, também é necessário ir até a Caixa Econômica ou o CRAS de sua região para possíveis averiguações.

Então, para recadastrar o Bolsa Família 2020 é necessário comparecer em qualquer um dos seguintes órgãos:

  • No CRAS de sua região
  • Na prefeitura de sua cidade
  • Na Caixa Econômica Federal
  • No órgão responsável designado pelo Governo Federal para a efetivação do cadastro único

recadastrar Bolsa Família 2020

Como recadastrar Bolsa Família 2020

Para todos aqueles que recebem a ajuda do Bolsa Família, é preciso recadastrar a fim de evitar problemas futuros. É através dele que o Governo se mantém informado sobre todos os seus beneficiários.

O recadastramento do Bolsa Família é válido para:

  • Controle dos dados cadastrais das famílias
  • Atualização de possíveis informações
  • Conferir a necessidade de atualização de informações do sistema do cadastro único

Então, os beneficiários do programa devem comparecer em um desses lugares e fazer o seu recadastramento:

  • No CRAS de sua cidade
  • Na prefeitura de sua cidade
  • Na Caixa Econômica Federal mais próxima
  • No órgão responsável designado pelo Governo Federal para a efetivação do cadastro único

Munido de todos os documentos necessários e das suas devidas atualizações, é preciso comparecer pessoalmente para não perder o benefício. É necessário fazer este processo uma vez no ano a fim de evitar o cancelamento ou a suspensão do repasse mensal.

Onde fazer o recadastramento do Bolsa Família

O recadastramento do Bolsa Família somente pode ser feito de forma presencial pelo responsável por aquele grupo familiar. Não é possível recadastrar o Bolsa Família 2020 pela internet até o momento.

Como já foi dito anteriormente, o responsável escolhe o local mais apropriado para realizar o recadastramento. Comparecendo com os documentos pedidos e com as atualizações necessárias nos seguintes postos:

  • Em qualquer agência da Caixa Econômica Federal de sua preferência
  • Na prefeitura de sua cidade
  • No respectivo CRAS da sua região
  • No órgão responsável escolhido pelo Governo para a realização do cadastro único

Documentos necessários

É necessário se recadastrar no Bolsa Família a fim de evitar problemas com o repasse do dinheiro mensal. Os documentos necessários para a efetivação do recadastramento são:

  • O CPF do responsável familiar e de todas as pessoas incluídas no núcleo familiar é indispensável para o recadastro
  • RG de todos os membros
  • Certidão de nascimento e casamento
  • Carteira de trabalho dos integrantes
  • Comprovante de residência atualizado em até 3 meses
  • Comprovante de matrícula das crianças e adolescentes de até 17 anos na escola

Como saber se é para recadastrar

Todas as pessoas que recebem o incentivo do Bolsa Família podem comparecer a um órgão correspondente e efetivar o recadastramento.

A partir de um ano de validade do benefício, é necessário a revalidação dos documentos de forma presencial.

Existem 2 processos realizados mediante a necessidade de recadastrar o Bolsa Família 2020:

  • Averiguação cadastral: Cruzamento das informações cadastrais com os dados do Governo Federal
  • Revisão cadastral: Ação realizada para evitar o corte das famílias com mais de 2 anos de cadastro e sem a devida revalidação

Prazos para recadastrar Bolsa Família 2020

Os beneficiários do programa devem permanecer atentos a qualquer mudança de informações para efetuar o recadastramento. Existem 2 prazos para recadastrar o Bolsa Família 2020:

  • O lapso temporal de no mínimo 1 ano de recebimento do benefício pela família
  • O empo máximo de 2 anos de retorno ao órgão responsável para revalidação das informações cadastrais

Onde obter mais informações: Telefone Bolsa Família

Contudo, se ainda houver qualquer dúvida referente ao programa, existe um auxílio pelo telefone. Basta ligar para o número 0800 726 0207.

A ligação é gratuita de qualquer tipo de telefone. Para evitar a ida ao local específico sem as informações necessárias, evitando prejuízos.

Leave a Reply